terça-feira, 31 de agosto de 2010

A Identidade Profética das Escrituras



Não veremos fluir a identidade de Deus nas pessoas que olham para as escrituras e não alcançam a sua identidade verdadeira.

                          Muitas leituras que fazemos das escrituras  são significativas, alias, todas deveriam possuir um significado singular para cada um de nós.  Pessoas dão testemunho de   textos  que somente  conseguiram enxergar  após várias leituras. Isso, com certeza, faz  parte da obra do Espírito Santo que abre, dentro do tempo certo( o Kairós de Deus), as escrituras que para nós estavam na obscuridade. O Espírito Santo faz saltar aos nossos olhos  realidades espirituais  de tal maneira que nos dá a impressão de que nunca tínhamos lido ; mesmo que já tenhamos feito dezenas de leituras da mesma escritura.  Essa é uma questão estritamente de cunho  profético. É a manifestação do profético nos atingindo. Deus se move profeticamente  e deseja que os Seus filhos percebam isso.Uma grande maioria dos cristãos   pesam que o texto Bíblico( a palavra de Deus ) não  possui  identidade. Trilhar esse caminho é muito perigoso  porque é exatamente a  partir desse pressuposto que as falsas doutrinas(falsos ensinos)  são desenvolvidas e levam  os crentes a caminharem   na contra mão do mover do Espírito Santo. Precisamos  reconhecer e conhecer que o texto Bíblico possui  uma IDENTIDADE. A Palavra  de Deus  é  a expressão do coração dEle mesmo. Nela está a identidade do próprio Deus  que se revela por meio de Sua palavra. O texto Bíblico, portanto, não é filosofia humana, e nem tão pouco, produto de idéias de várias mentes confusas que  não sabem para onde estão indo;  é produto do coração e mente de um único Deus  (Deuteronômio 6.4). Isso faz com que  a palavra de Deus e o próprio Deus  sejam expressão de uma só realidade espiritual. Ao ler bíblia podemos ver  vários aspectos  novos e frescos da Palavra de Deus   enquanto  continuamos na mesma fonte.O propósito do Senhor em  se expressar ou revelar o seu coração é para que  sejamos  um com  Ele(João 17.21). A unidade proposta por Jesus não é  apenas uma amizade  de apreciação externa, mas,unidade de natureza .Veja o texto a seguir –
Pelas quais ele nos tem dado grandíssimas e preciosas promessas, para que por elas fiqueis participantes da natureza divina, havendo escapado da corrupção, que pela concupiscência há no mundo ( II Pedro 1:4 )
                  Deus deseja que sejamos PARTICIPANTES  dessa  natureza divina dEle. Observemos  que  são as promessas que nos levam a essa natureza.Lembremos que as promessas nos foram reveladas e estão no texto Bíblico( nas escrituras).Elas  procedem do ser interior de Deus  e é Ele mesmo se manifestando. Podemos, então, dizer que cada palavra de Deus é Deus mesmo.  Uma ressalva aqui é -  a  Palavra de Deus (o logos)não deve ser adorada como um Deus, mas, Deus  possui em sua natureza  e realidade do Seu ser a Sua palavra. Quando  Ele é exaltado tudo o que é e  possui recebe exaltação exatamente por causa DELE. Quando desprezamos a palavra de Deus estamos desprezando Ele mesmo.    É por esta razão que um dos primeiros sinais de que estamos deixando o Senhor de lado é abandonar  e desprezar a Sua palavra. Jesus  nos diz que aquele que tem os seus mandamentos e os guarda , esse é o que  o ama ( João 14.21).
                   Amado irmão e irmã, será nessa  identificação  de Deus e  da  Sua palavra que precisamos e devemos  caminhar. Ao caminharmos,vamos  encontrar uma realidade  de fundamento estabelecido. A própria palavra revela este fundamento. Sabemos que essa é revelação de Deus. Que fundamento é este ?  Jesus, o verbo encarnado (João 1:14) é o fundamento principal. Ele (Jesus)  estabeleceu   e revelou  duas realidades que precisam  existir  para  que  o  fundamento, que é Ele mesmo, possa estar devidamente consolidado na vida da Sua Igreja(noiva).
                   Veja   o que está em Efésios 2:20. Lemos neste texto  que  somos edificados sobre o fundamento dos  apóstolos e profetas tendo Jesus como a pedra principal.
                   As escrituras  possuem UMA IDENTIDADE . Entender isso é fundamental para buscar o Senhor através delas. Buscar o Senhor sem  a percepção devida desta  IDENTIDADE trará muitas deformações e desvios à  sã doutrina (I Tm 1:10).   Em Atos 2:42 lemos que  a Igreja  permanecia (perseverava) na  doutrina dos apóstolos. Um pouco mais a frente, quando ocorre uma crise e é necessário administrá-la com esmero espiritual, encontramos essa palavra dos apóstolos – nós nos dedicaremos à oração e ao ministério da palavra (Atos 6:4).  Não podemos perder  A IDENTIDADE APOSTÓLICA E PROFÉTICA DAS ESCRITURAS.  Será essa identidade  uma bússola para cada um de nós  de tal maneira que todos que estiverem  selados por ela estarão caminhando na mesma direção.  Essa realidade  não virá  por força nem por violência, mas, pelo Espírito Santo (Zacarias 4:6).
                  Ouvimos as pessoas dizendo que  a bíblia possui  muitas interpretações.Cada um interpreta  de um jeito diferente;  tem muitas maneiras de ver  e ela é cheia de muitas faces, óticas,etc  Aparentemente  essa forma de ver  soa  piedade  e até  trás um ar de exaltação a Deus, contudo,  é uma caminhada para  o abismo de uma espécie de “liberalismo/racionalista” Bíblico. Muitas “Igrejas” são criadas com base nesse liberalismo/racionalista  por  faltar   identidade profética apostólica das Escrituras. Percebam,  não é identidade  de um homem. É  identidade das escrituras,e,se é identidade das escrituras não podemos remover os pulmões  que  sopraram essas palavras – Toda  escritura é divinamente inspirada... (II Tim  3:16). A identidade profética das escrituras é o próprio Deus em sua natureza essencial(Pai,Filho,Espírito Santo). Jesus é a palavra escrita que se fez carne (João 1:14). Quantos testemunhos  são relatados acerca das várias formas de se vê a  Palavra de Deus, porém , próximo a  eles  está um abismo. Ao mesmo tempo que esse abismo  é um  ambiente de  destruição  e deformações de vidas é, também, um lugar que separa o falso do verdadeiro. De um lado os que estão vendo  a multiforme sabedoria de Deus a partir  da identidade apostólica profética de Jesus na igreja; do outro lado, estão os que vêem a partir  do liberalismo/racionalista  produto da capacidade  intelectual criativa. Muita coisa  “nova”  retirada das escrituras  não procede da  fonte apostólica   e profética  mesmo que seja novo e verdadeiro.Não esqueçamos que o verdadeiro  foi usado pelo diabo no deserto da  Judéia no seu ataque direto contra Jesus. Ele usou a escritura para tentar  fazer Jesus pecar (Leia Mateus4:1-11).
                       Quando se perde  a identidade apostólica profética das  escrituras  encontramos uma geração evangélica sincretista, isto é, perdida em uma miscelânea de entendimento liberalista-racionalista   e esta  mistura  começa a fazer parte da vida dos cristãos, e, a Igreja com isso, perde a Identidade de Povo de Deus e de Corpo de Cristo na terra ( I Pedro 2:9 e I Coríntios 12:27).
                         Olhemos,agora, para Eva na  tentação( Genesis 3:1-7). A estratégia da serpente foi  questionar o caráter de Deus a partir da  palavra que  dera a Adão. Foi isto mesmo que Deus disse ? Essa foi a pergunta da serpente. A perda da identidade apostólica profética de Jesus em nossa vida  faz-nos ouvir a  serpente da mesma maneira que  Adão e Eva o fizeram. Pressupõe-se que todos os que vão para as escrituras  estão em busca  da vontade de Deus  . Em tese parece  que nisso quase todos estamos de acordo. Para quem é  intelectualmente ‘normal’ e possui um certo equilíbrio  a escritura é a Palavra de Deus( a vontade de Deus  revelada) e não apenas contém essa palavra.Então, a pergunta que fica para muitos é : O que Deus está dizendo esta escritura ? Para sermos coerentes, então, buscamos uma resposta, e, a partir dessa resposta esperamos que a nossa vida  seja  norteada. Consideramos que estamos seguindo os pressupostos do que Deus disse a partir do que está escrito.  É interessante que  antes da tentação do primeiro Adão ele recebe uma palavra revelada não escrita,e, na tentação do segundo Adão Jesus, a palavra revelada já estava escrita. De qualquer forma a investida foi a de  remover o caráter  de Deus da palavra e torná-la uma palavra qualquer sem identidade.
                     Jó,  um contemporâneo dos patriarcas de Gênesis,   após ter perdido tudo, recebeu os seus  três amigos  que vieram  questionar  o entendimento espiritual que  possuía dos acontecimentos da sua vida. Infelizmente eles  fizeram uma leitura  equivocada, perigosa.  Se Jó entrasse  naquela “leitura’ cairia num abismo.A esposa dele foi guardada  em decorrência da sua firmeza . Ela, porém, foi induzida  e influenciada pela mentalidade dos ‘amigos’ . Os conselhos daqueles amigos foram tão  distantes da realidade de Deus que  no Capítulo 42:7 Deus diz a um deles –  “ Estou indignado com você e com os seus  dois amigos, pois vocês não falaram o que é certo a meu respeito, como fez meu servo Jó.   Não esqueçamos jamais que os amigos de Jó falavam a respeito de Deus para ele. A leitura  que fizeram da realidade que Jó vivenciou não foi  uma leitura  do que estava no coração e pulmões  de Deus.
                        Essa é a questão quanto às escrituras. Podemos fazer  pregações contundentes dizendo ser a fiel exposição da palavra de Deus;dizendo que  não somos nós que dizemos mas é a palavra de Deus.Podemos  argumentar usando o versículo correto que respalde bem as nossas argumentações e montar uma teologia  sistemática com vários versículos  vistos a partir do grego, hebraico e aramaico, e contudo, sermos apenas a extensão  e versão atualizada/moderna de Elifaz,Temã e Bildade – os três amigos de Jó. Deus,porém, disse não para eles e sim para Jó.
                      Deus diz  não para todo liberalismo escrituristico que é  produto da falta do temor do Senhor e de uma verdadeira piedade. O temor do Senhor é o princípio da sabedoria ( Prov. 9:10).   Quando há ausência do temor do Senhor  e  somos levados para dentro das escrituras o que colhemos  é arrogância e soberba. É um conhecimento sem o amor que é a maior evidência de que verdadeiramente  A IDENTIDADE PROFÉTICA-APOSTÓLICA DAS ESCRITURAS  está presente em nós ( I Corintios 8:1).  Quantas congregações estão sobre este fundamento em nossa nação ( o Brasil ), ou seja, SEM A IDENTIDADE  APOSTÓLICA PROFÉTICA DAS  ESCRITURAS .  São congregações (Igrejas) produto de divisões.  Como ocorre isso ? Certamente  é produto de corações Neófitos(inexperientes) que buscam os próprios interesses e vivem  na ganância e no engano.
                     
                         O irmão Yun , no livro “O Homem do Céu”,  narra como foi negativo para a Igreja na China a  chegada de muitos livros teológicos/racionalistas do mundo ocidental. Enquanto liam apenas  as escrituras estavam  fluindo bem e era suficiente.Após a penetração  da literatura  racionalista  começou a caminhada  para o desvio. Nós podemos ler quantos livros desejarmos e isso não tem nenhum mal em si mesmo. Apenas sempre devemos fazer uma  leitura   filtrada pela  escritura a partir  da identidade  apostólica  profética que ela possui.
                   Outro elemento que gera  comunidades inteiras sob cobertura da mentalidade dos amigos de Jó  tem  sido  a investida  da antiga serpente de  infiltrar seus agentes no nascedouro. Conforme  lemos em Apocalipse 12:17. Ele o faz para matar antes que nasça ou matar logo ao nascer.  Muitos que nascem de novo são assessorados por agentes de satanás e precisam  discernir isso para poderem sair imediatamente  dessa cobertura.Se não o fizerem estarão em um novo cativeiro e  no caminho  de serem feitos duas vezes filhos do inferno. Veja o texto abaixo.
Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que percorreis o mar e a terra para fazer um prosélito; e, depois de o terdes feito, o fazeis filho do inferno duas vezes mais do que vós.(Mateus 23:15)
                Esses  agentes são falsos apóstolos. A Igreja em  Éfeso (Apoc 2:2) identificou  essa classe de agentes      do reino das trevas e saiu da cobertura deles pois eram impostores.Não viva sob cobertura de impostores, eles não possuem a IDENTIDADE  PROFÉTICA APOSTÓLICA DAS ESCRITURAS.Leia o texto abaixo:
Mas o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios;
Pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência
Proibindo o casamento, e ordenando a abstinência dos alimentos que Deus criou para os fiéis, e para os que conhecem a verdade, a fim de usarem deles com ações de graças;
Porque toda a criatura de Deus é boa, e não há nada que rejeitar, sendo recebido com ações de graças.
Porque pela palavra de Deus e pela oração é santificada.

(I Timóteo 4:1-5)
                         Faz alguns anos tive um sonho. Estava  em uma grande quadra de esportes  cheia de irmãs e irmãos que cultuavam  e eram regidos por pessoas bem arrumadas  com ternos e gravatas. Não entendia porque não tinha acesso  à plataforma onde se encontravam os líderes e nem podia ter  .Em minhas tentativas  sempre era  bloqueado e impedido. Queria me aproximar mais, porém, estava como que sendo perseguido  e  permanecia sob às arquibancadas   buscando um meio de me aproximar para poder fazer uma revelação pública a  partir  de uma evidência. Havia seguranças por todos os lados e eram  muitos. Não me lembro se estava sozinho ou com alguns outros, mas me lembro muito bem quando eles relaxaram  e deixaram de vigiar . Nessa hora, imediatamente, corri e fui parar  no meio da plataforma onde vários se encontravam ministrando ao povo que estava  enfeitiçado por  tudo o que faziam. Ao chegar  olhei para cada um deles e os seus olhos os condenavam pois estavam  cheios dos olhares dos demônios. Comecei a  gritar para todos ao redor  e dizer: Olhem para os seus olhos !!! vejam!!! São demônios !!!São demônios !Olhem para os seus olhos!Percebam ! Vejam os olhos !!
                        Creio que(dentre outros significados)essa foi uma revelação da ação dos falsos apóstolos que  estão buscando dar cobertura espiritual a pessoas. São homens maus e impostores cheios de demônios(Apoc 2.2). Pode ser que este sonho tenha revelado também algum tipo de manifestação corpórea dos demônios . Mas o fato é que precisamos identificar e discernir. Não podemos seguir  doutrinas de  demônios ( I Timóteo 4:1); quer seja  eles mesmos  se manifestando de maneira corpórea ou  usando um instrumento humano.
                        Olhemos para os olhos deles .   A candeia do corpo são os olhos. Sendo, pois, o teu olho simples, também todo o teu corpo será luminoso; mas, se for mau, também o teu corpo será tenebroso.( Lucas 11:34).Não vejo que seja uma questão pura e simplesmente  física. Com certeza é algo espiritual. Sabemos que podemos identificar muita coisa ao olharmos nos olhos das pessoas, porém, não devemos nos limitar  a este âmbito.Precisamos buscar saber o que produz a visão deste apostolo ou deste profeta.O produto final é  ganância por mais dinheiro ? O produto final é ser reconhecido  pelos homens? É  lesar e defraudar as pessoas ? Preste atenção!!! Não se empolgue com aparência externa de ninguém. Olhe e observe os frutos. Pelos seus frutos os conhecereis( Mateus 7:15-23). Vá conviver com essas pessoas  de perto. Ouça o que dizem fora do púlpito. A palavra diz que a boca fala o que o coração está cheio(Mateus 12:34). Recentemente lendo o Profeta Daniel chamou-me atenção a visão que  teve( Daniel 10:1-21). Após a visão veio fraqueza. Quando a nossa visão é da parte do Senhor, quando olhamos com olhos aprovados pelo Senhor , quando os nossos olhos são bons e não maus,  caminhamos na humildade(na fraqueza). Foi isso o que aconteceu com Isaías no capítulo  6. Ele disse : Ai de mim,vou morrer....Essa é uma marca dos olhos bons. Olhos ambiciosos por poder; olhos que  vivem cobiçando bens alheios e por  isso fazem uma leitura escrituristica de prosperidade equivocada para produzir engano. Olhos que querem “muita alma” para Jesus  e na frente de cada alma vêem os reais, dólares e euros dos seus dízimos e ofertas. Olhos altivos (Proverbios 6:17) sempre serão acompanhados de língua mentirosa, nunca esqueça isso. OLHOS ALTIVOS E LINGUA MENTIROSA TRABALHAM EM PARDERIA.vejamos Provérbios 6:16,17
                    Estas seis coisas o SENHOR odeia, e a sétima a sua alma abomina:
                    Olhos altivos, língua mentirosa, mãos que derramam sangue inocente,
                   Olhe para os olhos(visão)!!! Comece olhando para você mesmo e inicie uma ação de remoção das traves para poder contemplar os olhos dos que te guiam (Mateus 7.:3-6). Veja,  à medida que  os nossos  olhos não vêem claramente, e, ainda permanecem com a trave,  nos comportamos dando o que é sagrado aos cães(Mateus 7:6).O texto de Mateus 6:5,6 diz:
Hipócrita, tira primeiro a trave do teu olho, e então cuidarás em tirar o argueiro do olho do teu irmão. Não deis aos cães as coisas santas( não dê o que é sagrado aos cães – NVI ), nem deiteis aos porcos as vossas pérolas, não aconteça que as pisem com os  pés e, voltando-se, vos despedacem.
                 Você deseja continuar  assim ? A sua vida é muito preciosa. Cuidado! Não se encante com os homens;  esteja  encantado com o Senhor Jesus que possui olhos como chama de fogo( Apocalipse 1:14. Olhe para os seus olhos(para a sua visão)  e busque discernir o que domina o coração desses homens, não  julgue; apenas busque discernir  qual fonte está fluindo naquele coração .A fonte de água doce (água da vida que vem do trono(Ez 47 e Tiago 3:11) ou água amarga – produto da natureza dos demônios.
                       Não veremos fluir a identidade de Deus nas pessoas que olham para as escrituras  e não alcançam a sua identidade verdadeira. Aqueles que vivem sob cobertura apostólica profética de homens e mulheres evangélicos-sincretistas já estão contaminados e precisam se descontaminar urgentemente enquanto  há tempo oportuno. Se o meu perfil não for o da palavra não me siga pois serei um falso profeta e impostor. Mas, qual é o perfil da palavra ? É a IDENTIDADE PROFÉTICA APOSTÓLICA DE JESUS.  É exatamente esta identidade que mergulha no ser dos que são chamados por Deus. Sem ela  vivemos faccionados e sem rumo  como navio à deriva  no mar. É a IDENTIDADE APOSTÓLICA PROFÉTICA DE JESUS NA PALAVRA  que  nos  permite mergulhar em águas profundas sem nos afogarmos passando a ver  claramente a vontade do Senhor que é a   BOA, AGRADÁVEL E PERFEITA VONTADE DE DEUS(Rm 12:2). A partir daí  sempre encontraremos pérolas proféticas em nossa leitura diária das escrituras. Veremos  Jesus  em toda a escritura; buscaremos somente os Seus interesses e não mais os nossos(LEIA Filipenses 2:19-24) Seremos de fato transformados por Ele através da palavra  que tem a Sua  identidade e forma a nossa com o mesmo perfil da DELE. 
                  Siga pensando  nessas coisas e meditando para avançar e crescer na presença do Senhor Jesus.
                     
Pr Rubemar Silva de Jesus
08 de janeiro 2009
Pr.Rubemar
rubemar_silva@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails